Posts de Juh Claro

Aquela pausa necessária…

Em 24.04.2017   Categoria: Pessoal

Seria redundante falar que eu dei uma sumida. É só ver a data do último post, né haha Quase um mês, mas por ótimos motivos. Eu não tenho que dar explicação nenhuma, mas eu quero, porque tenho novidades!

Estou numa fase meio conturbada e ao mesmo tempo muito boa. Eu estava esperando dar tudo certo para finalmente comentar aqui no blog, mas foi bem difícil me segurar, confesso. Eu ainda estou aprendendo sobre esse negócio de não falar nada antes de conseguir o “sucesso completo” – por conta daqueles “olhos gordos” por aí, sabe? E dessa vez consegui fazer direitinho.

Bem, a primeira novidade é que eu vou casar! Na verdade não é tão novidade assim porque eu já tinha contado aqui quando fui pedida em casamento. Mas entre noivar e casar muitas coisas acontecem e agora posso realmente dizer que vai acontecer. Não, a data ainda não está marcada e nem tenho nada fechado, mas já estamos vendo buffets e tudo mais para decidir logo – o que posso adiantar é que será no primeiro semestre do ano que vem! Um ano para ajeitar tudo, mas tenho certeza que dará tudo certo!

bride
Imagem via: Pexels

A outra novidade é a causa do casamento já estar bem encaminhado: temos um apartamento!!! Semana passada assinamos a escritura e agora estamos só aguardando o retorno do cartório para termos oficialmente um lar em nosso nome <3


Imagem via: Pexels

Quero alerta-los desde já que o rumo do blog seguirá o rumo da minha vida, como sempre foi. Naturalmente vocês verão posts de apartamento, decoração, casamento e tudo mais que envolve o “mundo a dois”. E eu realmente espero que vocês gostem bastante dessa nova fase e que também traga novas pessoas para o meu cantinho. A Babi e a Jeh continuarão aqui me ajudando com tudo e compartilhando os interesses delas, então não se preocupem, o blog não vai virar uma chuva de arroz eu acho! HAHA

Eu estava tão apreensiva com a questão do apartamento que não consegui me concentrar em nenhuma leitura, então as resenhas aos poucos voltarão a aparecer por aqui. Eu também não andei ouvindo nada novo, por isso não comentei nada de música. A única coisa que fiz nesses dias foi assistir à polêmica série “Os 13 Porquês” (Thirteen Reasons Why). Até comecei a fazer um post sobre, mas acabei desistindo no meio e não devo finaliza-lo. Li muita coisa esses dias, tanto positivas como negativas e resolvi que ficarei neutra à discussão, apesar de estar me remoendo bastante pra não falar um monte de coisa haha Talvez mais pra frente eu comente algo!

Essas são as super novidades da minha vida e eu queria muito compartilhar com vocês. Não via a hora de dar tudo certo para poder escrever este post e dar início às novas categorias do blog. Espero que curtam comigo e que possamos compartilhar e dividir muitas coisas <3


Resenha: Fogo contra fogo – Jenny Han & Siobhan Vivian

Em 23.03.2017   Categoria: Resenhas

ATENÇÃO! SE VOCÊ NÃO LEU “OLHO POR OLHO” NEM “DENTE POR DENTE” ESSA RESENHA PODE CONTER SPOILERS.

fogo contra fogo Preciso iniciar essa resenha avisando que eu li o segundo livro da trilogia, Dente por dente, em 2014 e, naturalmente, esqueci muita coisa. Tive que reler os últimos capítulos antes de iniciar este último livro. É muito ruim quando você começa a ler uma série ou qualquer história que tenha sequência e a editora demora tanto para lançar a continuação. Você acaba lendo outros livros entre eles e acaba esquecendo uma coisa ou outra, né? Bem, agora que os três livros já foram lançados, você pode ler tudo de uma vez.

Em Fogo contra fogo estamos logo de cara no funeral de Rennie. Após tudo o que aconteceu na festa de Ano Novo, o clima na Ilha Jar não é nada bom. Lillia e Reeve estão tentando esconder o sentimento que sentem um pelo outro, além de certa vergonha por terem ficado juntos quando não deveriam nem pensar nisso. Kat está se sentindo mais sozinha que nunca e ninguém parece notar que a morte de Rennie também a afetou. E onde está Mary nesse meio todo?

O final do segundo livro deixou claro que havia algo estranho e sobrenatural com Mary, mas não tivemos muitas explicações. Não sei se posso falar exatamente o que é, ainda não consegui definir se isso seria um spoiler ou não, então vou preferir deixar em aberto aqui também. O que não mudou foi a sede de vingança de Mary por Reeve. E assim que ela descobre o envolvimento de Lillia com ele, Mary fica possessa. Mais louca ainda para fazer com que Reeve pague por tudo que fez ela passar.

O que vemos nesse terceiro volume é uma Lillia ainda fraca demais, uma evolução incrível de Kat e uma Mary cada vez mais cega pelas consequências de seus atos de vingança. Ok, dá para entender que Reeve foi bem maldoso com ela e trouxe consequências terríveis, mas a forma com que Mary dá sequência aos seus planos, sem nem se importar com suas amigas, é um pouco exagerada.

É complicado julgarmos Lillia pelas suas decisões em relação ao seus sentimentos. Ela não tem “culpa” por sentir-se atraída por Reeve, mas tem a consciência pesada por, de certa forma, ter traído Rennie. Confesso que não gostava de Reeve até ver como ele pode sim tratar bem uma menina. Pelo menos é o que faz com Lillia, sempre a agradando e surpreendendo com suas atitudes.

Do outro lado temos Kat mais tranquila, sem se enroscar com ninguém. Aliás, muito pelo contrário: ela se mostra uma ótima amiga para Alex Lind, ajudando-o com sua inscrição para a universidade de música e dando diversas dicas. Ela até resolve ir para a pré viagem de formatura no barco do tio dele com diversas pessoas que ela nunca imaginou que um dia trocaria uma palavra. Ela é a minha personagem favorita e foi muito bom ver toda essa evolução dela. É uma personagem bem forte (o oposto de Lillia).

É Kat também a responsável por desvendar a maior parte do mistério de Mary e fazer com que elas façam tudo que for possível para evitar catástrofes maiores. Estou me coçando para não contar melhor o que acontece, mas não quero estragar nem um pouco, então vou deixar para vocês.

Ao contrário do segundo livro, a revisão desse está impecável (ainda bem, né). Dá até para perdoar um pouquinho a editora por ter demorado três anos para publicar a finalização; com certeza receberam algumas reclamações. A formatação é ótima, o papel é amarelado e o tamanho da fonte é ideal pois não cansa nem um pouco – é o mesmo padrão da trilogia inteira (desde a capa até a fonte usada para os novos capítulos).

Aquele resumo básico: se você leu o primeiro e segundo livros, com certeza tem que ser o terceiro para encontrar diversas respostas de questões que foram ficando no ar ao longo da história. Se você estiver no colégio, essa trilogia se enquadrará melhor na sua lista de leituras pois tem muitos pontos “colegiais”. Eu li rapidamente os três, porém se tivesse lido há uns 10 anos, teria gostado mais.

Fogo contra fogo – Fire with fire
Páginas: 352 Editora: Novo Conceito Nota: ★★★★☆

Aviso Legal: Esse livro foi cedido pela editora responsável pela publicação no Brasil como cortesia para o site Livros em Série.


TAG: Wanderlust

Em 20.03.2017   Categoria: Memes, Viagens

Logo fará dois meses que voltei de férias e eu já quero viajar de novo. Bem, vocês sabem como eu sou apaixonada por viajar, né. Passeando por blogs que falam bastante de viagem, encontrei no Diário de Polly uma TAG chamada Wanderlust e resolvi responder.

Wanderlust deriva do alemão wandern (+/- vaguear, caminhar) e lust (desejo). Em português, podemos dizer que é um desejo forte por viajar, explorar o mundo, sair por aí.

1 – Qual o seu carimbo favorito?
Canadá <3 carimbo canadá

2 – Você sabe o número do seu passaporte de cor?

Sabia do anterior, mas no início do ano precisei renovar e nem viajei com ele ainda para “decorar” haha

3 – Qual o seu método favorito de viajar? Avião, carro, trem, ônibus, barco…

Eu morro de medo de avião, mas para viajar para lugares mais longe, é o melhor método. Agora, se for possível viajar de trem, com certeza seria minha primeira opção.

4 – Cite 3 itens essenciais para viajar!

Carregadores portáteis, mochila leve para andar por aí e óculos escuros.

5 – Você prefere hotel ou hostel?

Nunca fiquei em hostel e não sei se eu conseguiria, então: hotel.

6 – Você gosta de visitar lugares que já visitou ou prefere lugares novos?

Já repeti lugares e tem alguns que eu continuaria repetindo (oi, Disney); mas é claro que conhecer novos lugares é sempre maravilhoso, né? Ainda tem muitos lugares que quero conhecer nesse mundão.

disney

7 – Você pesquisa os destinos que vai visitar ou não?

Claro! Passo dias pesquisando em sites, blogs, vídeos no Youtube e tudo mais. Não monto exatamente um roteiro, mas anoto várias coisas “obrigatórias” de serem visitadas.

8 – Qual seu site favorito de viagem?

Não tenho nenhum específico; sempre navego por diversos blogs mas não tenho nenhum favorito.

9 – Qual lugar você recomenda que seu amigo visite?

Meu TOP 3 sempre é: Disney (Orlando), Niagara Falls (Canadá) e Londres.

niagara falls

10 – Se dinheiro não fosse problema, para qual lugar você iria?

Que pergunta difícil! Meu maior problema não é nem pensar em dinheiro e sim no tempo que teria que ficar no avião. Então, mesmo que tivesse dinheiro, ainda não sei se teria coragem para viajar para esses lugares HAHA
De qualquer forma, acho que Ilhas Maldivas e Nova Zelândia entram fácil na lista.

11 – Quando e pra onde ia o seu primeiro avião?
1994 para Jericoacoara (Nordeste do Brasil).

jericoacoara 1994

12 – Para onde você viajaria só pra comer a comida local?

Itália e Portugal, com certeza.

13 – Você prefere assento do meio, corredor ou janela?

Janela, sempre!

14 – Como você passa seu tempo no avião?

Extremamente entediada. É muito difícil eu conseguir dormir, então eu vejo diversos filmes, leio livro, jogo no celular e etc.

ler no avião

15 – Existe algum lugar para onde você nunca mais voltaria?

Não tem nenhum que eu nunca voltaria, mas tenho alguns lugares que eu não voltaria tão cedo, por exemplo Buenos Aires ou Paris.


Estão todos convidados a responder se quiserem :D Duvido que não concordam que viajar é tudo de bom! <3


Página 2 de 260123456... 260Próximo