Categoria "Livros"

Lançamento: O Segredo do Amor – Editora Gaivota

Em 10.06.2013   Categoria: Livros, Parceiros

Nessa semana do dia dos namorados, vou tentar fazer posts mimimizinhos em comemoração. O de hoje é a divulgação do novo lançamento da parceira do blog, Editora Gaivota:

Capa_amor_CapaDura 1ed_2011.indd O Segredo do Amor é um livro-imagem que constrói sua narrativa através de ilustrações delicadas e sensíveis, retratando o primeiro amor – e todos os sentimentos que acompanham essa descoberta.
As ilustrações em preto e branco são quebradas por um toque de vermelho, que surge na flor em formato de coração, com a qual os personagens se presenteiam. O livro também mostra as pequenas desavenças do casal e a sua reconciliação: e o vermelho está sempre presente, representando o sentimento do amor.
O livro estimula a interpretação de diferentes linguagens e encanta leitores de todas as idades. É um presente perfeito para o Dia dos Namorados, que vem chegando.

sarahemmanuelleburg Sobre a autora/ilustradora:
Sarah Emmanuelle Burg nasceu e vive na Alsácia, França. Estudou Artes Plásticas na Le Quai, École Supérieure d’Art em Mulhouse, França. É autora e ilustradora de diversos livros infantis. Seus trabalhos já foram apresentados em muitas exposições.
 
 
 

O Segredo do Amor, da autora Sarah Emmanuelle Burg, pode ser adquirido pelo site da Editora Gaivota por apenas R$35,00.


Desafio de mim para mim mesma

Em 25.03.2013   Categoria: Livros

Não é novidade para quem acessa meu blog há um tempo que eu tenho uma pilha interminável de livros para ler e que, mesmo assim, continuo comprando mais e mais.
Ano passando eu, a Babi e Cah participamos do “Desafio: 20 Livros a Menos em sua Pilha de Leitura” e acho que nenhuma de nós três conseguimos cumpri-lo. Quando a Babi veio pra casa, largamos o desafio e fomos para Bienal – ou seja, desistimos de vez.
Porém, enquanto gravava o vídeo da TAG “Amo Livros” (que vai ao ar essa semana) e respondi à pergunta sobre “Tenho muitos livros não lidos. Verdadeiro ou falso?” parei pra pensar bem nisso – e então resolvi fazer um desafio de mim para mim mesma.

desafiopilha

Objetivo: diminuir a pilha de leitura pela metade;
Regras: não comprar nenhum livro até alcançar o objetivo;
Exceções: livros de parceria e livros de continuação de séries (já começadas).

Minhas últimas compras foram sexta feira retrasada e segunda passada, acabei me rendendo aos 10% de desconto do Book Depository e finalmente comprei o livro Unsaid Things: Our Story do McFLY e teve promoção no Submarino de 5 livros por R$50,00. Contando com esses, atualmente tenho 128 livros não lidos na estante. Meu objetivo é diminuir a pilha para pelo menos 60 livros. Não vai entrar aqui a contagem de livros que chegarão de editoras, somente os livros que entraram até hoje na estante.

Resolvi fazer isso porque é péssimo ver a estante cheia de livros pra ler e ter vontade de ler outros, comprar e passar na frente de alguns que estão há 3 ou 4 anos lá. Além de poder economizar, porque eu estou necessitando disso haha

continue lendo

Literatura Ao Nosso Alcance

Em 22.03.2013   Categoria: Livros

Projeto Beletristas

Acredito que esse não seja um assunto nunca discutido – muito pelo contrário. Já vi em vários blogs essa discussão sobre os preços dos livros no Brasil e não posso deixar de concordar com muitos que uma das coisas que impede o brasileiro de ler mais é exatamente a falta de recurso financeiro para poder adquirir mais livros.

Você sabe como é a distribuição dos lucros no comércio de um livro?

Papel
Menos de 5%
Às vezes é transformado no vilão da história. O custo subiu depois do Real, o preço da tonelada de papel branco passou de cerca de 600 para 1 100 reais , mas não significa nem 5% do preço de um livro.

Editor
Cerca de 25%
O editor fica com algo em torno de 25% do preço de capa. Esse valor paga os custos de funcionamento da editora, a tradução, revisão, paginação e o lucro.

Autor
De 7% a 12%
Recebe em média 10% do preço de capa de um livro, mas essa porcentagem varia. O valor inclui todos os custos de seu trabalho. Na maioria dos casos, o autor não recebe adiantamentos.

Gráfica
Cerca de 8%
O custo de impressão de um livro comum, sem ilustrações impressas em papel especial, é da ordem de 8% do preço de capa, sem incluir o preço do papel.

Distribuidor
Cerca de 15%
A maior parte do preço de capa do livro fica na distribuição e venda. O distribuidor atacadista fica com 15%.

Livraria
40%
A livraria fica com 40% do preço de capa do livro, em média.

Créditos: Superinteressante

Mas isso não quer dizer que comprar livros diretamente com a editora ou autor pode ser mais barato, só porque não tem o lucro da livraria no meio. Tem uma imagem que eu encontrei esses dias e achei interessante, comparando quantos livros por ano são lidos entre Brasileiros, Chilenos, Argentinos e Uruguaios e os preços em cada país:

por que o brasileiro le pouco

Triste saber que a média de livros lidos no Brasil é UM.

Aí temos os e-books que estão tentando entrar na vida dos leitores com muita dificuldade, porque mesmo sendo mais barato, alguns tem pouquíssima diferença para os físicos – então, por que comprar um e-book se com mais 2 ou 3 reais, podemos ter mais um físico na estante? Na minha humilde opinião, não estamos preparados para largar a “viração de página” para ficar tocando na tela de um e-reader.

Ainda não comentei sobre isso aqui porque quero ter mais domínio para poder montar um post, mas na minha última viagem aos EUA, resolvi me render e comprei um Kindle Paperwhite – que começou a ser comercializado no Brasil essa semana (por um preço absurdo, preciso dizer) e ainda não li um livro nele. Já baixei vários grátis (não vou comprar por enquanto) e estão lá na minha biblioteca, mas não consegui parar dois minutos para ler algo. Mas tenho que dizer que é muito cômodo segurar um objeto de 200 gramas ao invés de um livro de 1 kg (ok, só os enormes pesam isso) e ainda poder ter até 1100 livros sem ocupar espaço em casa! Não são todas as pessoas que vão aderir à “moda” de e-books, mas acredito que enquanto os livros físicos forem muito caros e os e-books forem grátis, vou seguir nessa moda sim.

Agora quero saber: qual o livro mais caro que você já comprou? E você trocaria os livros físicos por digitais?

Confira os outros blogs participantes do projeto:

» Attraverso le Pagine
» Babi Lorentz
» Magia Literária
» Mariana Pereira
» Na Cabeceira da Cama
» Drafts da Nica
» Parafraseando Livros
» Passaporte Literário
» Tagarelando
» Vá Ler um Livro

Esse post faz parte da proposta do Projeto Beletristas.

Página 5 de 9123456789