Resenha: Confie em Mim – Harlan Coben

Em 01.09.2016   Categoria: Livros, Resenhas

confie em mimHarlan Coben me conquistou por causa de seu personagem Myron Bolitar, mas em Confie em Mim não é ele quem vai correr atrás para descobrir o que está acontecendo. Neste, somos apresentados a personagens que não voltam a estrelar nenhum livro (mesmo que em Confie em Mim eu tenha encontrado alguns indícios que me levam a crer que as histórias de Harlan Coben sempre acontecem num mesmo ambiente).

Não sei como ele consegue colocar tantos personagens num livro só e dar conta de todos eles individualmente e como um todo. Personagens que pensamos que não podem vir a se cruzar, acabam todos sendo ligados por causa de um ou dois acontecimentos.

Como são muitos os personagens, fica super complicado tentar falar algo sobre o livro porque não há um principal, todos dividem as páginas como protagonistas, mas eis aqui uma tentativa, só para dar o gostinho a vocês:

Depois que Spencer comete suicídio, Adam, um adolescente filho de Tia e Mike Baye, começa a ficar cada vez mais fechado. Não se abre com seus pais, não conta sobre o que acontece com ele e fica apenas trancado em seu quarto. Por causa disso, Tia convence Mike a instalar um programa para espionar o que o filho faz no computador. Com tudo isso salvo em relatórios, eles começam a ter mais controle sobre o filho, mas o problema é que um dia, depois de receber um e-mail de DJ Huff falando sobre uma festa regada a drogas e álcool, Adam desaparece.

Betsy, a mãe de Spencer, encontra uma foto dele no dia de sua morte que a leva a se perguntar se o filho realmente se matou ou se havia mais alguém com ele na hora de sua morte.

Enquanto isso, duas mulheres são assassinadas. Uma tem o rosto desconfigurado, a outra desaparece misteriosamente, deixando apenas o carro estacionado na frente de um hotel, levando a polícia a acreditar que ela poderia estar tendo um caso.

Esses acontecimentos não parecem ter ligação alguma, então é aí que Coben começa a fazer várias coisas acontecerem, deixando sua cabeça dar um nó atrás do outro, tentando descobrir o que está acontecendo por trás de tudo isso, mas, surpresa: você não consegue! Pelo menos eu não consegui…

Em Confie em Mim, Harlan só me provou que sabe fazer o que faz. Que o faz bem, que conquista qualquer leitor fã de suspenses policiais. Eu fiquei totalmente louca com este livro. Nas últimas páginas, roí todas as minhas unhas sem saber o que poderia acontecer e também ao descobrir o que ele inventou para que tudo estivesse ligado. Harlan é o máximo!

Confie em Mim – Hold Tight
Páginas: 320 Editora: Arqueiro Nota: ★★★★★


MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Seleção de Livros! Clique e confira.