Resenha: A Maravilhosa Terra de Oz – L. Frank Baum

Em 10.09.2013   Categoria: Resenhas

A Maravilhosa Terra de Oz – The Marvelous Land of Oz
Autor: L. Frank Baum
Editora: Biruta
Páginas: 300
Nota: ★★★★★

Sinopse: O lenhador de lata e o espantalho voltam para mais uma aventura na Terra de Oz. Agora acompanharão o garoto Tip e seus amigos numa incrível jornada para tentar salvar a cidade das esmeraldas das agulhas de tricô do exército rebelde, comandado pela geral Jinjur. Para isso, precisarão enfrentar a velha Mombi, desvendar o mistério por trás do sumiço da princesa Ozma e, mais importante, terão de aprender a lidar e a conviver uns com os outros. No segundo livro da série de Oz, o leitor irá mergulhar ainda mais nessa terra mágica, se encantar com todos os seus mistérios e reencontrar personagens cativantes como Glinda, a bondosa.
A tradução é do renomado escritor e tradutor Luiz Antonio Aguiar.
As ilustrações de capa são da imaginativa e espirituosa polonesa Agata Wojakowska.
Desta vez você não vai precisar de sapatinhos vermelhos mágicos ou de um ciclone para transportá- lo para Oz: é só abrir o livro para a aventura começar!
 
Saiba mais sobre o livro no site da editora.
 

Como sempre, todos os livros da Editora Biruta são lindos, com diagramação e tradução impecáveis e histórias fantásticas. Não é nem um pouco diferente com A Maravilhosa Terra de Oz, que traz ilustrações da polonesa Agata Wojakowska na capa e contracapa, fazendo com que consigamos imaginar os personagens de uma forma mais concreta.

 

A Maravilhosa Terra de Oz é o primeiro livro de uma série de 13 que se seguem após o lançamento de O Mágico de Oz, história que fez o autor norte-americano L. Frank Baum ganhar um grande espaço no cenário de livros infantis e nos permite ver mais dos personagens do Mágico de Oz.

Primeiramente conhecemos Tip, um garoto que vive sendo perseguido pela velha bruxa Mombi e está tentando criar algo para assustá-la. É assim que nasce Jack Cabeça de Abóbora, um boneco feito de madeira e com cabeça de abóbora, igual àquelas de Halloween. Tip deixou Jack em uma curva da estrada para assustar Mombi, mas o efeito foi outro: ela logo percebeu que não passava de uma brincadeira de Tip e resolveu dar outro destino ao Jack: usaria um feitiço que o traria à vida.

Ao prometer a Tip que na manhã seguinte o transformaria em uma estátua de mármore, Tip resolve escapar juntamente com Jack e ainda rouba o pó do feitiço da vida. Durante sua fuga, ele encontra um pedaço de tronco de madeira que mais parece um cavalo e resolve tentar fazer o feitiço com ele também: eis que assim nasce o Cavalo de Madeira – que é surdo até que Tip esculpe duas orelhas para que ele possa ouvi-lo e responder a seus comandos.

Juntos, os três seguem viagem até a Cidade das Esmeraldas, cidade governada pelo Espantalho (sim, aquele que o Mágico de Oz deu um cérebro pois lhe faltava inteligência). Tudo estava indo bem até Tip pedir para o Cavalo de Madeira galopar e ele não conseguir mais acompanhá-lo, fazendo com que o Cavalo e Jack continuassem viagem sem ele.

Enquanto eles conheciam o Espantalho, Tip encontrou um exército de garotas rebeldes comandado pela general Jinjur que queriam tomar a cidade das Esmeraldas do Espantalho – e é aí que começa a aventura de Tip junto ao Jack, Cavalo e Espantalho.

Eles decidem pedir ajuda ao velho amigo do Espantalho, Nick Machadinha – ou o Lenhador de Lata, mas após se encontrarem, muitas coisas acontecem no meio do caminho e eles resolvem pedir ajuda a Glinda, a bondosa. É então que ficamos sabendo da existência de uma herdeira do trono, filha de Pastoria, o verdadeiro rei do Palácio – antes do Mágico de Oz tirá-lo de lá. Todos decidem que devem encontrar Ozma, como verdadeira herdeira, ela saberá como governar a cidade – o problema é que ela está desaparecida há muito tempo.

Glinda sabe que o Mágico de Oz se encontrou com Mombi três vezes quando esteve lá e tem certeza que ele sabia da existência de Ozma. É assim que todos voltam à cidade das Esmeraldas atrás de Mombi, que está ajudando o exército de Jinjur. Porém o paradeiro de Ozma é mais surpreendente que eles imaginavam – e eu também, confesso haha

Leitura recomendadíssima! Já quero ler os outros 12 livros para saber mais das aventuras nessa terra mágica.


  • Babi Lorentz

    Em 10.09.2013

    Gente, que coisa maravilhosa!
    Fico imaginando você lendo e achando o máximo. Porque é bem o tipo de história que eu sei que você gosta, né?
    Acho que quero ler também!
    Beijo, Juh.

    [Responder]

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Seleção de Livros! Clique e confira.