Seriado: Grey’s Anatomy

Em 15.10.2015   Categoria: TV

Grey’s Anatomy é uma série de drama médico criada por Shonda Rhimes e que teve seu Piloto exibido em 27 de Março de 2005, chamando atenção de expectadores desde então.

greys-anatomy

A série mostra o dia a dia de Meredith Grey, Cristina Yang, Izzie Stevens e George O’Malley, que acabam de começar seu primeiro ano de Residência em Cirurgia no Hospital Escola Seattle Grace, que conta com o programa em cirurgia mais rígido de Harvard, em Seattle – Washington.

Além disso, eles são auxiliados pela Bailey, mais conhecida como Nazista – o que já dá a ideia que eles terão que enfrentar muitas dificuldades até se destacarem naquele meio tão competitivo.

Ok. A todos aqueles que dizem que vão deixar para dormir mais quando morrerem: venham falar comigo depois de uns meses como um interno. Claro, não é apenas o trabalho que faz a gente varar a noite. Quer dizer, se a vida já é tão difícil, por que a gente fica arranjando mais problemas pra gente? Que necessidade é essa de apertar o botão de auto-destruição?

Meredith Grey é a principal da historia e isso fica bem claro no primeiro episódio e por causa do nome que a série leva, porém, ao longo dos episódios e ao passar das temporadas, percebemos que todos eles ganham destaque de alguma forma em algum momento.

Shonda sabe como mostrar a vida de cada um deles de forma individual sem deixar o grupo todo de lado (mesmo que alguns atores tenham se estressado por causa disso em vários momentos, mas isso a gente pode deixar pra comentar em outro post).

Logo no primeiro episódio, Meredith dispensa um cara de sua casa pela manhã, apenas para descobrir, horas mais tarde, que ele é Derek Shepherd, chefe do departamento de neuro-cirurgia no Seattle Grace Hospital.

É por causa disso que percebemos que, mesmo com o intuito de mostrar o dia a dia de médicos residentes, Shonda não esconde seu lado romântico e dramático, dando sempre grande importância para todos os relacionamentos que, ao longo da série, vão surgindo na tela. Relacionamentos estes com os quais você pode ou não concordar e pelos quais você pode ou não torcer.

É impossível não se apegar aos personagens. Não há vilão, mesmo que alguns passem uma péssima imagem ao aparecerem pela primeira vez. Todos eles são humanos, têm sentimentos, acertam e erram em suas escolhas, passam por momentos bons e ruins e arrancam lágrimas, choros, suspiros, frios na barriga e até mesmo gargalhadas de quem assiste.

Eles dizem que a morte é mais difícil pros vivos. É difícil realmente dizer adeus, às vezes é impossível. Você nunca parar de sentir a perda é o que torna as coisas tão amargas. Deixamos pequenos pedaços de nós mesmos para trás. Pequenos lembretes. Uma vida inteira de lembranças, fotos, bijuterias. Coisas para lembrar a gente, mesmo quando não estamos mais lá.

Eu passei por todos esses sentimentos em pouco tempo, ao lado de minha irmã, que foi quem insistiu para que começássemos a assistir essa série – valeu, Bella!

Gostei tanto da série que em 2 meses assisti às 10 temporadas: episódio atrás de episódio ininterruptamente (é, foi quase isso – sem parar mesmo), e teria voltado a assistir desde o início para esperar a décima primeira se eu não estivesse com a vida tão corrida na época em que terminei tudo.

Grey’s Anatomy se tornou uma de minhas séries preferidas: como eu já falei, os personagens são humanos, o que deixa a série com muita cara de real. Shonda não tem pena alguma ao ter que matar alguém, portanto isso nos deixa sofrendo em muitos momentos, principalmente quando nos apegamos a alguém que vai morrer ou sair da série por algum motivo.

Se você procura um drama pra assistir e se tem tempo de sobra pra se apegar a um seriado, pode começar, agora mesmo, a assistir Grey’s Anatomy. Garanto que não tem como se arrepender.


  • Patty

    Em 15.10.2015

    Meu, eu amava Grey’s com todas as minhas forças – mesmo com essa vibe assassina da Shonda. Mas não perdoei a morte do XXXXX e pra mim a série morreu ali.

    [Responder]

    Babi Lorentz:

    Entendi completamente sua revolta. Quando XXXXXXX morreu também pensei que eu não poderia continuar a assistir, porém, em conversa com minha irmã (a mesma sobre quem comentei no post), acabamos por decidir continuar a assistir, já que se a Shonda conseguir fazer a série valer a pena mesmo com a ausência de XXXXX, ela vai se tornar uma das pessoas mais fodas do mundo. HAHAHA, concorda?
    Beijo <3

    [Responder]

  • Adri Brust

    Em 15.10.2015

    Eu tinha meio que preconceito com Grey’s Anatomy, insistiam para eu assistir fazia anos, mas nunca tinha vontade de ver. Até que um dia assisti um ou dois episódios, meio que obrigada. E, depois disso, fiz como você, praticamente uns dois meses direto assistindo as dez temporadas rs. A gente passa raiva, morre de chorar, mas não dá para largar, é perfeita demais essa série. E essa temporada está se superando, não sabia o que esperar, mas está me surpreendendo demais.

    Obs: Como você ignorou o Alex no início? Um dos personagens mais perfeitos dá série rs.

    Beijos,
    Adri Brust
    Stolen Nights

    [Responder]

    Babi Lorentz:

    Verdade. Ela se torna parte do nosso dia a dia e a gente se vê sempre querendo mais e mais. Sou viciada nas coisas que a Shonda cria, rs.
    Então, o Karev não foi ignorado propositalmente, ok? hahaha, no início, a série não tinha foco algum em cima dele, depois que ele foi ganhando seu espaço, conquistando o coração de todo mundo e se tornando essa coisa maravilhosa, que é um dos personagens mais amados de Grey’s Anatomy.
    Beijos!

    [Responder]

  • Jeh Asato

    Em 15.10.2015

    Ahh pequei um post da Babi, uhrul!
    Grey’s Anatomy é muito seu jeitinho Babi! Olha, eu nem imaginava que a japinha/coreana era a praticamente a protagonista porque no meu face sempre vejo mensagens de amor pelo Derek Shepherd. O povo foi à loucura quando revelaram que o personagem morreria. Mas também uma belezura dessa, um crime né??
    Eu quero assistir tantas séries…. Vou colocar GA na lista!
    Beijo-beijo!

    [Responder]

    Babi Lorentz:

    Uhu, é nóis! Hahaha, que bom te ver aqui :D
    Grey’s é o tipo de série que qualquer pessoa pode assistir porque tem de um tudo nela, rs. A Cristina não parecia ser a protagonista e de início eu não conseguia compreendê-la muito bem, pra te falar a verdade, mas depois de um tempo fui vendo o motivo de todo mundo amar tanto essa personagem e acabou por se tornar a minha favorita.
    Além disso, acabei percebendo que eu sou muito parecida em tudo com ela: a vontade de ser A melhor, e não apenas boa naquilo que faz (ela diz que é a deusa da Cardio, rs), o foco em si mesma, a vontade de não ter filhos, enfim… A ideia que ela tem de vida é bem parecida com a minha, então tenho motivos de sobra para amá-la.
    E, sim, todo mundo foi a loucura com a morte do Derek, mas também… Pudera! A Shonda nos deu um príncipe e acabou por arrancá-lo de nós no melhor dos melhores momentos dele com a Meredith, então foi de chorar, rs.
    Assista sim, você vai gostar!
    Beijo :*

    [Responder]

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Seleção de Livros! Clique e confira.