Tubaína Bar: um bar retrô especializado em refrigerantes

Em 06.02.2017   Categoria: Dicas, Restaurantes

Quem gosta de refrigerante e nunca tomou Tubaína deve ser de outro planeta (ou país, aí é perdoável), mas a boa notícia é que dá para você correr atrás desse prejuízo e visitar o Tubaína Bar, um bar retrô especializado em refrigerantes artesanais e comidinhas bem brasileiras muito bem localizado em São Paulo.

A dica desse bar escondidinho no meio da Rua Haddock Lobo foi de um amigo da época da faculdade. Queríamos fazer um reencontro do pessoal (o que não deu certo, mas a culpa não é nossa) e, como ele queria evitar os famigerados pubs da região da Avenida Paulista, sugeriu algo mais brasileiro e alternativo.

Ao chegar lá pedimos duas porções de entrada: um “kit festa” que traz 12 unidades de salgadinhos de festas infantis (coxinha, risole, kibe, etc) e mandiopã. É isso mesmo: mandiopã, aquele salgadinho mágico que triplica de tamanho e quantidade depois que é frito no óleo (porém fica super sequinho!). Se você não conhece, meu amigo, você não teve infância, é sério! Vá experimentar agora (vende em alguns supermercados também).

O kit festa vem em um potinho antigo de guardar sal e os salgadinhos são bem feitos (queria que tivesse vindo mais coxinhas do que kibes – já que eu não como carne vermelha, mas estava ótimo). Nota 8/10.

E esta aqui é a porção de mandiopã (acabou em segundos porque somos esfomeados demais). Nota 9,5/10.

Como o próprio nome do bar diz e como já comentei no início do post, uma das especialidades da casa são os refrigerantes artesanais. Desde a Tubaína mais tradicional até o guaraná Arco-Íris, passando por refrigerantes de limão, uva, laranja e tudo mais. Porém a pessoa que vos escreve não está tomando refrigerante há mais de dois anos e, mesmo sendo muito tentador (porque além dos refris tinha diversos drinks alcoólicos feitos também com refrigerante), consegui manter meu foco e pedi algo “refri-free”.


Foto tirada pela Biia.

Havia pedido uma caipirinha de morango, limão siciliano e mangericão, porém, o morango estava em falta e precisei trocar para uma caipirinha três limões (lima da pérsia, limão siciliano e limão taiti). Com opções de cachaça a sakê, acabei escolhendo a vodca mesmo. Nota 8/10.

Como não dá para ir em um lugar desses e ficar só nas porções, todos resolvemos pedir sanduíches. Eu não como carne vermelha (como já disse lá em cima) e esse é um dos destaques do bar: tem opções vegetarianas e veganas também! Fiquei em dúvida entre duas opções vegetarianas e optei pelo “Mineirinho”.

 

Todos os lanches acompanham batata chips e vêm com esse “grelhado” com o logo do bar no pão:

O Mineirinho é composto por: hambúrguer de feijão empanado (com milho e cenoura), crispy de couve, alho e cheddar vegano da casa. Pode parecer bem estranho, mas, sério, não me arrependi nem um pouco, estava muito bom! R$33 – Nota 9/10.

Todos ficaram bem satisfeitos com os seus pedidos. Para ter uma ideia dos pedidos na mesa tinha sanduíche de hambúrguer de costela e de fraldinha (R$32 – R$33).


A felicidade do pessoal prestes a comer HAHA

Mais um diferencial do bar é que ele é o primeiro bar sustentável de São Paulo. Com móveis reutilizados, lâmpadas LED, iluminação baseada em timers e sensores de movimento, reuso de água, compras de produtos orgânicos e tudo mais.

Vale dizer também que o cardápio é impresso em papel reciclado, seguindo a onda sustentável (as folhinhas ao lado dos itens são para indicar os pratos veganos/vegetarianos).

Apesar de uma lista maravilhosa de sobremesas, optamos por não pedir nenhuma porque queríamos dar uma volta pela região e fomos a outro local. Mas na próxima vamos tentar comer menos para sobrar espaço para provar algum docinho.

Aqui vão algumas fotos do ambiente:

tubaína bar - mesas no restaurante
Ambiente de mesas (há também um piso superior e algumas mesinhas na calçada)


Vitrine com refrigerantes artesanais e do mundo todo.

tubaína bar - sofá
Sofá antigo com diversos retratos na parede para dar aquele ar de casa de vó haha

tubaína bar - tv antiga
TV antiga passando seriado também antigo: “O homem do fundo do mar”.

tubaína bar - balcão
Balcão de entrada com cervejas e objetos antigos.

Não podia deixar de postar uma foto das três blogueiras, né? HAHAHA Vai rolar post nos blogs da Biia e da Steh também e atualizarei aqui com os links depois :)


Biialou | Steh Barbosa | Juh Claro

Informações gerais:

Localização: Rua Haddock Lobo, 74 – Baixo Augusta, São Paulo.
Horários de funcionamento: Domingo a domingo em diferentes horários:
2ª a 5ª feira: 12h às 15h – 18h às 00h30.
6ª feira: 12h às 2h30.
Sábado: 13h às 2h30.
Domingo: 13h às 23h.
Formas de pagamento: Cartões de débito, crédito e refeição & dinheiro.
Site: www.tubainabar.com.br
Telefone: (11) 3129-4930 (Vale a pena reservar!)

Nota geral (ambiente, localização, comidas, bebidas e serviço): 8,5/10!

PS: este foi o meu primeiro post falando unicamente de um restaurante com fotos (já dei dicas dentro de posts de viagens); então relevem se as fotos não ficaram boas e se não anotei mais informações/preços. De qualquer forma, deixem suas opiniões nos comentários :)