O que eu quero?

Crônicas • 21.08.2015  

Se joga! Sério! Vá em frente e seja feliz. Porque é isso que eu tenho feito com minha vida: vivendo, rindo, me divertindo. Me divertindo mesmo tendo que viver a parte chata da vida. Mas penso que não teria nenhuma graça viver sem nenhum tipo de responsabilidade… Seria fácil demais, chato demais, entediante demais.

o que eu quero

Quero felicidade, quero amigos, quero festas, quero risadas, quero gargalhadas, quero jogos de voley, quero nintendo sem controle, quero churrascos, quero carnaval, quero bons livros, quero boas músicas, quero bons filmes, quero bons seriados, quero bons momentos, quero relembrar… Quero olhar pra trás e dizer: valeu a pena. Porque precisa valer a pena!

Barney Stinson disse uma vez que para algo ser lendário, você precisa viver aquilo com seus amigos. Acredito que é isto que eu tenho feito depois de tanto tempo sem me ligar que existiam outras pessoas por aí que também me queriam por perto: para uma conversa, para umas risadas, para uma amizade: de banheiro, de bar, de trabalho, da vida! São tantos tipos: cada um diferente do outro, mas todos ótimos para serem lembrados.

o que eu quero

Minha vida só tem ficado melhor. É ótimo respirar fundo no final de cada dia e dizer: nossa, acho que nunca estive tão feliz. E é verdade: eu nunca estive tão feliz quanto hoje. E acredito, sim, que amanhã será ainda melhor! Em todos os sentidos.

Desejo que a sua seja tão boa quanto a minha. Desejo que você esteja tão ou mais feliz do que eu. E se estiver mesmo mais feliz do que eu, acredite, um dia quero ter esse sentimento. Mas jamais te invejaria por isso!


Sobre trabalhar na cidade grande

Pessoal • 15.10.2014  

Lembram daquele desenho, “Sheep na cidade grande”? Pois bem, há 1 mês minha rotina mudou quase que drasticamente e eu virei uma ovelhinha do interior tentando me virar na cidade grande.

Ok, isso foi um tanto quanto dramático e exagerado, mas é um jeito de explicar sobre esse último mês e tudo o que aconteceu de diferente.

Dia 15 de Outubro mudei de área na empresa em que eu trabalho. Até aí, nada de muito uau. O problema é que eu precisaria sair do meu cantinho em São Bernardo para ir trabalhar na pqp em São Paulo. Foram 5 anos e 5 meses indo para um prédio bem pertinho de casa (10 minutos de carro), sentando na mesma mesa, vendo as mesmas pessoas, almoçando nos mesmo lugares, aprendendo coisas novas, reforçando outras e vivendo um dia após o outro. Aí eu saí da área de Tecnologia e fui para a de Projetos, em outro prédio, com outras pessoas, almoçando em outros lugares super caros, aprendendo muita coisa e, o mais importante: a 2 horas de casa.

Não vou dizer que não estava ansiosa/animada/assustada para a mudança, porque seria mentira. Mas eu confesso que achava que seria um pouco mais fácil de me adaptar – e não está sendo nada disso. Sinceramente, o maior problema é a distância. Eu não fico todos os dias no prédio de Santo Amaro, na verdade, estou ficando mais no centro do que lá, mas mesmo assim preciso pegar transporte público e essa é a parte mais cansativa.

Sair de casa, andar até o ponto de ônibus, ficar em pé até o terminal para pegar o metrô/ficar em pé até pegar o outro ônibus, andar mais um pouquinho e repetir tudo isso na hora de voltar pra casa cansa muito, muito mesmo. O trabalho em si também é um pouco cansativo, principalmente agora no início que ainda estou aprendendo muita coisa, mas acho que o que pega é o deslocamento. Logo me acostumo, eu sei, mas no momento só consigo pensar na minha cama e em dormir, dormir e dormir. Pois é.

Aproveitando o gancho, essa é a razão pela falta de posts (até que nem taaanta assim, mas poderia estar melhor, né?) e falta de retorno de comentários/visitas nos blogs de vocês. Eu simplesmente não tenho mais tempinho nenhum para isso no horário de trabalho e quando chego em casa o que eu menos quero é ver a tela do meu computador. Vocês entendem, não é? Então, até eu me organizar e me acostumar com essa rotina doida, eu volto a visitar todos e a fazer posts legais :) Ok?

Bem, queria só fazer uma conclusão: após um mês pegando transporte público quase todos os dias, eu consegui chegar à conclusão que o problema são as pessoas. Exatamente minha gente! O transporte em São Paulo não é ruim, não é caro, não está caindo aos pedaços e não é tao cheio assim (salvo alguns dias de atraso no metrô e etc, mas não é nada insuportável não!).

O problema são os usuários, a ignorância que reina na maioria deles e a falta de desodorante. É uma pressa sem fim e uma falta de educação desnecessária que eu sinceramente fico sem palavras. Sem contar a total falta de interação, né? Cada um no seu celular, livro, fone e etc. Ninguém olha pra ninguém e a vida segue. Bem, eu é que não vou mudar isso, ainda estou aprendendo a lidar com a cidade grande e seus costumes.

Mas são novas experiências, sei que será ótimo para a minha carreira e quem sabe eu não me encontro aqui e consigo seguir os meus planos do futuro? Sei que é cansativo trabalhar em São Paulo, mas é uma outra perspectiva do mundo. E olha que eu nem mudei de empresa, só de área e mesmo assim está sendo outra coisa pra mim. Estou gostando, at least :)


Dando um UP! #016 – Let’s Get Back!

Dando um UP! • 05.11.2012  

“Dando um UP!” é meu projeto criado exclusivamente para cuidar de mim. Eu sempre estou precisando mudar alguma coisa ou alcançar algum objetivo e muitas vezes desisto no meio do caminho.
Com esse “meme” eu pretendo me esforçar mais, porque se eu não trouxer resultados positivos, doerá bastante montar um post sem melhorias e mostrar para vocês.

Vamos voltar! Preciso pra ontem voltar a me esforçar e com isso resolvi voltar a postar aqui. Não importa o quão péssima eu esteja, vou postar pra me motivar.

 

1) Emagrecimento

Peso inicial: 81 kg.
Peso atual: 75,5 kg.
Vou chegar nos: 65 kg.
Faltam: 10,5 kg.

Que vergonha, pra quem chegou quase nos 70kg, voltar pra tudo isso… Agora a meta é continuar emagrecendo sendo saudável. Ponto.

2) Exercícios físicos

Renovei a academia por um ano e, shame on me, não estou indo direito – mas isso está prestes a acabar. Eu PRECISO começar uma rotina senão não vou emagrecer nunca. Hoje comecei meu treino de musculação (estava fazendo só aeróbico) e vamo que vamo!


Agora vai ser tudo sobre emagrecimento/saúde, então não vou postar mais nada de livros, armário e etc. A cada 15 dias terá medidas e uma vez por mês foto – hoje não deu porque esqueci de tirar tanto a foto quanto as medidas, mas tento trazer algo semana que vem.

#VAMOQUEVAMO